Buscar
  • gisimioli

Uma história como nenhuma outra que já vi.



Quando escolhi a publicidade e propaganda é porque o que eu queria não existia, e talvez não exista até hoje. Sempre gostei de moda, de fashionismos, de tendências, de ser diferente, de estar na frente, de influenciar, de chamar atenção, de ser disruptiva e subversiva, sempre fui uma estrangeira.


Por falta da faculdade e da cultura de moda na minha região, acabei optando pelo curso mais alternativo que eu achava, imaginando que a publicidade me daria opções de criatividade, e de trabalhar com aquilo que gosto, aquele desconhecido que sempre me bate à porta da consciência. E dá! Consigo hoje atender clientes de varejo, alunos que vendem serviços inovadores nessa área, influenciadores de moda e beleza, consigo produzir materiais e eventos relacionados à moda, e de uma forma sempre estou por perto. Mas a minha impressão é que sempre bato na trave!


Uma vontade nessa outra fase e nova chance da minha vida é de começar tudo de novo. Tenho uma força que me queima o coração me chamando pra essa moda que eu nem sei ao certo se ainda está por lá, ou se já existiu algum dia... Confuso? Também acho. Mas enquanto essas indecisões me chacoalham continuo o meu movimento, um caminho longo já percorrido que aprendi a gostar, e que hoje me abastece.


Essa jornada de ensinar e ajudar pessoas e empresas a se transformarem no digital começou em um dos meus momentos de contemplação e profunda análise de real propósito, marcando uma fase em que deixei de ser agência para me tornar agente educacional, agente transformadora. Quando pequena falava que seria professora quando crescesse, e já grande sou tutora, mentora, orientadora, conselheira.


Mas essa parte da história não cabe aqui, e fica pra um outro post porque vale muito a pena. E você, o que te faz voar? O que te dá forças pra continuar?



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo